Novidades

5 pessoas famosas que você não sabia que são canadenses

Postado por:École Québecem:26/03/2021

Existe uma piada que diz que metade das celebridades dos Estados Unidos são, na verdade, canadenses. É um dito popular e, assim como outros, surgiu de uma sabedoria observada no cotidiano. De fato, uma boa parte das pessoas famosas e artistas no país (e no mundo) são, na verdade, originárias do Canadá.

O fato é compreensível já que a cultura canadense, tanto das regiões anglófonas quanto do Québec (província que fala francês), possui costumes únicos e um viés artístico extremamente acentuado. Por isso que o país é um verdadeiro exportador de cantores, músicos, atores, compositores…até esportistas. 

Aqui neste post, você irá conhecer cinco pessoas famosas que, provavelmente, não sabia que eram canadenses. Mais precisamente, quebequenses. 

Essa é uma curiosidade interessante, daquelas citadas nas conversas casuais do dia a dia e que, de quebra, te coloca em contato com a cultura.O que é importante, justamente se imigrar para o Québec está no seu radar.

Por que existem tantas pessoas famosas canadenses? 

Muitas das pessoas famosas que você pensa que são estadunidenses são, na verdade, canadenses. É natural que o Canadá tenha tantas pessoas conhecidas, uma vez que é um país culturalmente rico e tem grande tradição esportiva. São praticantes assíduos de atividades físicas ao ar livre , além de serem referências em esportes de inverno, como hockey no gelo e curling.

O Québec é conhecido por ser uma província que acolhe diferentes povos e tradições, tornando-se um verdadeiro polo multicultural. Os festivais de música são mundialmente famosos. Os eventos de fim de ano são verdadeiros espetáculos. 

Fora a música eletrônica, inverno, luzes e jazz, o Québec é conhecido mundialmente pela comédia e pela forma irreverente de ver a vida. O Juste pour rire é a maior prova disso.

Além disso, o Canadá possui uma cultura esportista muito influente, notável na participação constante do país nos pódios das principais competições de cada categoria. Basta olhar o ranking de medalhas das últimas Olimpíadas para comprovar esse fato.

Pessoas famosas que são, na verdade, canadenses  

Os cantores Michael Bublé, Neil Young, Justin Bieber, Bryan Adams e as cantoras Sarah MacLaughan, Shania Twain e Avril Lavigne. 

Os atores Keifer e Donald Sutherland, Jim Carrey, Seth Rogen, Michael J. Fox, Keanu Reeves, Ryan Reynolds, Ryan Gosling, Michael Cera…

As atrizes Cobie Smulders, Rachel McAdams, Pamela Anderson, Evangeline Lilly, Sandra Oh, entre outras…

A lista é longa. 

Se tem uma personalidade que você gosta, coloca no Google. Existe uma alta chance dela ser canandense. Algumas em particular, como as citadas abaixo, nasceram no Québec. Confira! 

Pessoas famosas que são, na verdade, canadenses  quebequenses

  1. Céline Dion 

A cantora ganhou todos os holofotes do mundo na apresentação da canção ‘My Heart Will Go On’, música tema do filme Titanic, em 1998, escrito e dirigido por James Cameron – também canadense. 

Mesmo antes do feito, que rendeu o Oscar de Melhor Canção, a intérprete era mundialmente famosa pela sua voz vibrante e presença de palco. O que poucas pessoas sabem é que Céline Marie Claudette Dion nasceu em Charlemagne, uma vila da província de Québec. 

  1.  Xavier Dolan

O ator e cineasta canadense nasceu em Montréal, Québec e iniciou a carreira muito jovem. No entanto, sua carreira deu um salto quando ganhou os holofotes com o filme J’ai tué ma mère (Eu Matei Minha Mãe, em português). Sua atuação nessa obra rendeu uma premiação no Festival de Cannes, em 2009, quando o ator tinha apenas vinte anos.

  1. Georges St-Pierre

Georges St. Pierre, conhecido como GSP, é um ex-lutador de MMA, campeão peso-médio e peso-meio-médio do UFC. 

Nascido em Saint-Isidore, no Québec, GSP é considerado como um dos maiores lutadores de MMA de todos os tempos. Em 2009, ganhou o prêmio World MMA Awards de Lutador do Ano e já foi eleito três vezes consecutivas (2008, 2009, 2010) como maior atleta canadense do ano. 

Além do octógono, já se arriscou nas telonas, fazendo uma participação, inclusive no filme Capitão América 2: O Soldado Invernal, de 2014.

  1. Jacques Villeneuve 

Jacques Villeneuve é um piloto, ex-campeão de duas das principais categorias do automobilismo mundial: Fórmula Indy (1995) e da Fórmula 1 (1997). O  piloto quebequense, nascido em Saint-Jean-sur-Richelieu, é uma das únicas quatro pessoas da história que conquistaram feitos semelhantes. 

Membro de uma família ligada ao automobilismo, seu pai, Gilles Villeneuve, é uma lenda da Fórmula 1, chegando ao vice- campeonato em 1979. Ele veio a falecer durante um treino de qualificação do Grande Prêmio da Bélgica, em 1982. Seu tio, Jacques-Joseph Villeneuve, também correu na categoria, porém sem muito sucesso. 

  1. Eugénie Bouchard 

Eugenie “Genie” Bouchard é uma tenista que ganhou muito destaque no início dos anos 2010 ao vencer o torneio júnior de Wimbledon em 2012, chegando ao 5o lugar do ranking mundial em 2014. 

Sua carreira começou aos cinco anos de idade e, então, com 12 anos mudou-se para os Estados Unidos onde reside atualmente. 

Com uma notável esquerda com as duas mãos, a esportista nascida em Montreal, foi a primeira canadense a chegar na final de um Grand Slam. Seu talento e carisma fez com que se tornasse uma das mais bem pagas do mundo. 

Esses são alguns dos nomes de artistas e esportistas conhecidos mundialmente e que são canadenses ou quebequenses. 

Agora, no final deste post, você conheceu mais sobre a origem de atletas, atores, cantores, atrizes ou compositores do Canadá e está apto a puxar essa conversa em um bate-papo com os amigos. Saber mais sobre um país é uma das maneiras de conhecer sobre a sociedade, cultura e se ambientar em um novo lugar. 

Se você pretende visitar ou até imigrar para o Canadá, é interessante saber mais sobre o país. Aqui no blog da École Québec, você encontra curiosidades, dados, orientações e outras informações essenciais para quem busca estabelecer-se na província do Québec ou até mesmo apenas aprender a encantadora língua francesa.

Gostaria de estudar e trabalhar no Québec? Descubra aqui quais são as profissões que estão em alta demanda e conheça oportunidades para morar no Canadá!

Novidades

Quem pode morar no Canadá: conheça quais são os pré-requisitos

Postado por:École Québecem:05/03/2021

Quem pode morar no Canadá? Essa é uma pergunta interessante. Estabelecer-se em outro país é um desejo de uma parte dos brasileiros que estão incomodados ou insatisfeitos com as condições de vida por aqui. Normalmente, este é o gatilho para o início das buscas de um novo lugar para viver. 

Durante essa procura, é usual deparar-se com o Canadá e ficar encantado com a possibilidade de viver por lá. Afinal, a lista de benefícios é longa: ensino de qualidade gratuito, alto nível de segurança e sistema de saúde público de referência…

Para quem está à procura de boas condições de vida para criar os filhos e está aberto às possibilidades de mudar-se com a família, essas razões saltam aos olhos. A melhor parte é que o Canadá (mais especificamente o Québec) possui  programas governamentais consistentes de incentivo à imigração. 

Aqui neste post, você vai conhecer mais sobre como funciona o processo imigratório para o Québec, a província francófona do Canadá, os pré-requisitos e como começar a se preparar. Vamos lá? 

Quem pode morar no Canadá? Québec está à procura de mão de obra 

quem pode morar no Canadá

Quando as pessoas procuram sobre quem pode morar no Canadá, frequentemente descobrem o Québec e se apaixonam. Primeiro, porque é uma província acolhedora, com ótimas oportunidades profissionais, altos padrões de qualidade de vida e respeito à diversidade. 

Devido às influências de estrangeiros de origem latinas, os brasileiros adaptam-se facilmente à dinâmica da cidade, construindo um senso de pertencimento. Sem contar que a cultura e os costumes dos quebequenses são similares: é um povo caloroso e socialmente ativo. 

O Québec é uma região disponível para receber estrangeiros que queiram construir uma comunidade diversa e equitativa. Além disso, existem boas oportunidades de trabalho e estudo em diversas áreas, principalmente porque o Québec possui um déficit de mão de obra notável.

Isso acontece devido ao número de habitantes aptos ao trabalho não acompanhar o crescimento econômico e a abertura de vagas de trabalho.

Para preenchê-las, o Governo da província esforça-se constantemente para oferecer processos de residência permanente, tanto para estudantes quanto para trabalhadores qualificados. 

As vagas para profissionais de Tecnologia da Informação e Enfermagem, por exemplo, estão constantemente abertas. 

Quem pode morar no Canadá? Conheça os pré-requisitos 

quem pode morar no Canadá

Por essas razões, entre outras tantas, o Québec destaca-se como destino dentro do Canadá para imigrar com a sua família. Se você fizer uma busca mais profunda na internet, vai encontrar alguns depoimentos de pessoas que fizeram essa escolha – e não se arrependeram. 

Se você está considerando seriamente começar um processo imigratório para o Canadá, pense na possibilidade de ir para o Québec. Para isso, é interessante conhecer os pré-requisitos de quem consegue um visto de permanência, não raramente, para toda a família. 

Abaixo, listamos quais são: 

Nível de francês intermediário

O Québec é uma sociedade equitativa, plural, acolhedora e diversa, com creches gratuitas, sistemas de saúde e educação públicos de alta qualidade, vida cultural intensa, variada e acessível a todos os bolsos. 

No entanto, para morar no Québec é necessário saber falar francês. Diferente das outras partes do Canadá, é uma região francófona (com uma história interessantíssima) e, por isso, as chances de contratação estão ligadas à fluência do idioma. É importante ter, no mínimo, o nível intermediário. 

Pode parecer difícil mas fazendo aulas três vezes por semana, é possível chegar ao nível intermediário em apenas 10 meses. 

Experiência de trabalho entre 1 e 3 anos

Existem diversas formas de imigrar para o Québec. Uma delas é através das 

Journées Québec (JQ), as missões de recrutamento oficiais, onde as pessoas candidatam-se daqui do Brasil e aumentam as chances de contratação. É um dos caminhos mais indicados para conseguir o visto de permanência. 

As JQ foram desenvolvidas para ajudar as empresas da província a recrutar profissionais qualificados fora do país. Uma das exigências para começar o processo imigratório por esse caminho é possuir experiência de trabalho de um a três anos na profissão. 

Disposição para contribuir com o desenvolvimento do Québec 

O Québec é reconhecido por acolher imigrantes que compartilham os valores da sociedade quebequense e, idealmente, possuem experiência nos setores com grandes demandas. 

Por isso, um dos pré-requisitos para iniciar um processo imigratório é receber pessoas que estejam dispostas integrar-se à cultura, aprendendo francês,  compartilhando valores semelhantes e trabalhando em comunhão com a população local para o desenvolvimento da província. 

Quem pode morar no Canadá?

quem pode morar no Canadá

Se você está disposto a aprender francês, possui experiência profissional e tem interesse genuíno em contribuir com essa sociedade, então você cumpre o check-list necessário para começar um processo imigratório. 

Independentemente da profissão, existem alternativas e caminhos para você imigrar legalmente com a sua família. Para conhecer mais sobre suas opções, marque uma consulta com especialistas de imigração regulamentados. 

Uma dica: fique atento às agências que divulgam programas educacionais e, depois, cobram uma porcentagem extra sobre orientações ou ainda pela ajuda em trâmites burocráticos para visitar, estudar ou trabalhar no Canadá. Isso é ilegal.

Nós, da École Québec, somos uma escola de idiomas e podemos te ajudar a aprender francês e alcançar a proficiência necessária para atingir os níveis intermediário/avançado. 

E mais, quando a hora chegar, podemos também prepará-lo para entrevistas de emprego ou de admissão em instituições de ensino do país. 

Se começar a falar outra língua parece uma barreira para você e sua família, não se preocupe. Estamos aqui para isso. 

Com as orientações certas, professores qualificados e metodologia diferenciada, é possível aprender em pouco tempo. 

Nós possuímos mais de quinze anos de experiência em ensino de francês québécois, metodologia própria e professores qualificados e com vivência no Québec (alguns deles nativos, inclusive). Estamos preparados para te conduzir nesta trajetória de estudo e aprendizagem de uma nova língua. Conte conosco!

O que acha de marcar uma aula experimental e começar a flertar com o idioma? Você não vai se arrepender! 

Novidades

Morar no Québec: o que você precisa saber sobre a província no Canadá

Postado por:École Québecem:08/01/2021

Ter uma vivência em outro país é um sonho para uma boa parte dos brasileiros e dentre tantos destinos, morar no Québec sempre ganha destaque. Se você fizer uma busca mais profunda na internet, vai encontrar alguns depoimentos descrevendo especificamente como é o sistema imigratório para essa província. 

O tema de morar no Québec está em alta nos últimos tempos e os fatores para isso são variados. Começa pelo fato que o custo de vida na província é relativamente baixo, comparado com o resto do Canadá. 

O aluguel, por exemplo, está entre os mais baratos se considerarmos as principais regiões metropolitanas do país. 

Outro atrativo é que mesmo com cerca de 8 milhões de habitantes, o Québec possui uma qualidade de vida muito boa e pacífica, usualmente ausente em países com esse porte.

 Além disso, existem boas oportunidades de trabalho e estudo em diversas áreas e possui uma cultura efervescente, contando com grandes festivais culturais, na maioria das vezes, gratuitos. 

Esses são apenas alguns dos motivos pelos quais morar no Québec tornou-se uma pauta frequente para quem quer imigrar, a ponto de ser um dos principais termos buscados no Google. Os outros, você conhecerá a seguir. 

Morar no Québec: qualidade de vida e respeito à diversidade 

O Québec é uma província acolhedora, com ótimas oportunidades profissionais, altos padrões de qualidade de vida e respeito à diversidade. A região sempre está aberta para integrar estrangeiros que queiram construir uma comunidade diversa e equitativa. 

Além disso, conta com uma história singular, de luta e resistência pela preservação do direito de falar francês e de liberdade religiosa e seus reflexos são evidentes na sociedade. Está tanto nas expressões culturais, nas suas festas e eventos tradicionais, quanto no humor peculiar québécois.

Existe uma abundância de lugares ideais para atividades ao ar livre. É um lugar que respeita seu meio ambiente e possui diversos parques e espaços verdes. Mesmo nos dias frios, vivenciar o inverno faz parte da experiência. 

Quem está aberto a enfrentar as baixas temperaturas tem diversas atividades a sua disposição como esquiar, patinar no gelo, passear nos parques, caminhar na neve… dentre outros esportes. Por essas razões, a região tem atraído cada vez mais pessoas do mundo todo. 

Morar no Québec: oportunidades de trabalho e estudos 

O Québec é um importante destino turístico e atrai cerca de 4,5 milhões de visitantes a cada ano. Um dos principais pontos é a cidade de Québec, uma das mais antigas da América do Norte. 

O bairro histórico Vieux-Québec é considerado Patrimônio Mundial pela UNESCO e atrai diversas pessoas todos os anos. O turismo, por exemplo, é responsável por muitos empregos na cidade. 

Então, se você pensa em morar no Québec saiba que pela economia em expansão e uma diminuição da população ativa, a província possui opções de emprego em diversos setores e uma das mais baixas taxas de desemprego do Canadá.

As ofertas vão desde o setor de tecnologia da informação, manufatureiro, profissionais de saúde… Os representantes do Governo do Québec no Brasil estão sempre buscando profissionais nas missões de recrutamento, desenvolvidas para ajudar as empresas da província a encontrar mão de obra qualificada fora do país. 

Você encontra mais informações sobre as missões nos seguintes sites: 

Morar no Québec: aprenda a falar francês 

morar no Québec

Se você deseja morar no Québec, saiba que vai encontrar uma sociedade equitativa, plural, acolhedora e diversa, sistemas de saúde e educação públicos de alta qualidade, vida cultural intensa, variada e acessível a todos os bolsos. 

Você encontrará uma ampla oferta de diversas oportunidades de trabalho e emprego devido à economia robusta e em ascensão. Razões não faltam para emigrar para a província, no entanto, para morar no Québec é necessário saber falar francês. 

As chances de contratação estão ligadas a fluência do idioma e não possuir ao menos o nível intermediário dificulta conseguir trabalho e a integrar-se com a equipe. 

Por isso, antes de qualquer coisa, o ideal é procurar uma escola especializada em francês québécois, como a École Québec, para aprender o idioma. 

Assim você vai se preparando para as entrevistas, realizadas na língua francesa, uma vez que o Governo busca pessoas que tenham um nível intermediário de fluência. 

Aqui no blog da École Québec, você encontra diversas informações, dicas e orientações de como aprender francês québécois e oportunidades de estudos e trabalhos no Québec. Explore nosso conteúdo! 

Novidades

Conheça os pratos típicos das festas de fim de ano do Québec

Postado por:École Québecem:30/12/2020

Você sabe como que são as festas de fim de ano no Québec? As comidas fazem parte da identidade de um povo e possuem um alto valor afetivo. Se você for nascido no Brasil, pratos como arroz com lentilha, tender, farofa, maionese, peru com frutas caramelizadas e pavê têm significado. 

Pode lembrar a ceia na casa da sua avó, o tempero de um tio, o abraço da madrinha com presentes… 

Se o ser humano adora comer, as festas de fim de ano são a oportunidade perfeita para isso! No Québec, existe uma variedade de receitas deliciosas que marcam essa época nas mesas das famílias. Aqui neste post, vamos trazer alguns dos pratos típicos mais conhecidos e as receitas! 

Assim, além de conhecê-los, você pode arriscar a fazer um ou outro e acrescentar um tempero québécois na sua mesa!

Festas de fim de ano do Québec: recettes

Festas de fim de ano do Québec: La dinde de Noël

Na maioria dos países ocidentais, o peru é o prato principal e, no Québec, não é diferente. O que torna essa receita peculiar é a forma de assar, assim como a seleção dos temperos que deixam a ave em uma textura crocante única. O que acha de experimentar a receita e ainda treinar o francês? Leia aqui! 

 festas de fim de ano do Québec 

Festas de fim de ano do Québec: La farce de Noël

Depois de assado, chega a hora de rechear o peru! Semelhante ao Brasil, é costume preparar uma farofa para tornar o prato ainda mais saboroso. No entanto, em vez de farinha de mandioca, usa-se uma base de pão esfarelado, refogado na manteiga e temperado com sopa de cebola.  Confira a receita! 

 festas de fim de ano do Québec 

Festas de fim de ano do Québec: Les atocas

A tradição é clara: ninguém come peru sem o sauce aux canneberges como acompanhamento, um molho adocicado feito de uma fruta pequena e vermelha chamada airela. O Québec é o segundo maior produtor mundial do alimento, também chamado como atoca. Aqui no Brasil, provavelmente você conhece a frutinha como cranberry. A receita está aqui! 

 festas de fim de ano do Québec 

Festas de fim de ano do Québec: La tourtière 

Todo país tem uma desavença gastronômica, entre regiões, sobre um prato tradicional. No Québec, a confusão é em relação a Tourtière, uma torta feita de carne bovina, de porco e de batata e comum nas mesas comemorativas do Natal e de Ano Novo. 

Os habitantes de Saguenay/Lac St-Jean afirmam há décadas que a verdadeira tourtière é diferente, mais farta e recheada. Para eles, a receita usualmente preparada nada mais é que uma Pâté à la viande, ou simplesmente, uma torta de carne. 

Independentemente do conflito, o que acha de fazer as duas receitas e comparar qual você acha mais deliciosa? 

 festas de fim de ano do Québec 

Festas de fim de ano do Québec: La bûche de Noël / Le gâteau aux fruits

Toda ceia que se preze precisa ter sobremesa, muitas vezes mais que uma. Duas opções constantemente presentes nas mesas quebequenses são La bûche de Noël e Le gâteau aux fruits. A primeira é um rocambole de mousse de chocolate, baunilha e nozes, enquanto a segunda é um bolo de frutas condimentadas e aromáticas. 

 festas de fim de ano do Québec 
La bûche de Noël

Vale a pena experimentar ambas as sobremesas! A La bûche de Noël é mais fácil de fazer, mas, acredite, a Le gâteau aux fruits vale muito a pena. 

 festas de fim de ano do Québec 
Le gâteau aux fruits

Depois desse tour gastronômico, você tem a sua disposição uma verdadeira ceia tradicional do Québec. Explore os sabores da província e ainda treine seu francês com essas receitas típicas. Experimentar comidas é uma forma interessante de conectar-se com um país. De uma certa maneira, através da culinária, você estará vivendo uma experiência quebequense. 

Aqui no blog da École Québec, você encontra diversas informações, dicas e orientações de como aprender francês québécois e oportunidades de estudos e trabalhos no Québec. Explore nosso conteúdo! 

Novidades

Série original do Québec estreia na Netflix

Postado por:École Québecem:12/08/2020

Série premiada é a primeira produção original do Québec no streaming, uma ótima oportunidade de treinar francês

A Netflix não para de lançar novas séries, filmes e documentários, inclusive originais, produzindo centenas de horas de programação em diferentes países do mundo. 

Sempre em busca de novas séries, o streaming apresentou crescimento significativo nos últimos anos, ganhando popularidade devido às séries originais e a seleção de produções de qualidade para o mercado do entretenimento. 

Para manter-se em constante crescimento mundial, com o objetivo de atingir o maior número possível de público, a Netflix adquiriu os direitos da série M’entends-tu? – a primeira série original do Québec a entrar no catálogo! 

Isso mesmo, uma oportunidade incrível de  treinar e aperfeiçoar o seu francês québécois. Vamos conversar mais sobre o enredo e porque essa série é imperdível! 

M’entends-tu?: do Québec para o mundo 

M’entends-tu? conta a história de três amigas de um bairro pobre em Montreal, unidas pelas situações difíceis da vida. Juntas, Ada (Florence Longpré), Fabiola (Mélissa Bédard) e Carolane (Landve Landry) tentam encarar suas realidades, problemas conjugais e familiares com bom humor e esperança. 

A série, criada em 2018, pela escritora e atriz Florence Longpré foi ao ar na Télé-Québec e teve uma recepção muito favorável dos críticos, além de receber cinco prêmios Gemini em 2019. Recentemente, foi confirmada a terceira temporada. 

O sucesso despertou a atenção da Netflix.  Agora, no catálogo do streaming desde o começo de junho, a primeira temporada de M’entends-tu? está em 190 países e legendada em 30 idiomas diferentes.

Mas você não precisa de legenda, não é mesmo? Essa é uma série perfeita para conhecer mais sobre o idioma, os costumes, o dia a dia e as pessoas do Québec! Aproveite os dez episódios da primeira temporada e treine bastante seu francês! 

A Netflix ainda não divulgou as datas para a estreia da segunda temporada. 

E se você gostar bastante, a segunda temporada está disponível no site do canal Télé-Québec! Pena que as filmagens da terceira temporada foram adiadas por conta da pandemia do Covid-19 🙁 

Em breve nós postaremos o review completo sobre a série.

Fiquem ligados! E aproveite para treinar seu francês québécois.

EnglishFrenchPortugueseSpanish